quinta-feira, 31 de julho de 2008

Por Portugal


O comunismo significa a destruição da hierarquia social e a abolição dos valores nacionais e mesmo do conceito de pátria.
O anti-comunismo é um conjunto de idéias, correntes e tendências intelectuais que possuem em comum a negação dos princípios e idéias do comunismo e a oposição a todo governo ou organização que dê suporte prático ou teórico a esta ideologia.
Os partidários de idéias anticomunistas, conjugam os seus esforços para evitar a eclosão de revoluções comunistas e repudiam conceitos fundamentais do comunismo, tais como: o historicismo e o materialismo como fatores preponderantes nas relações sociais, a luta de classes como motor da História e a idéia de inevitabilidade do comunismo como fruto dos processos históricos.
Ao longo da história, em quase ou todos os países do mundo, existiram e existem partidos políticos sob a denominação Partido Comunista ou partidos que ainda que não usem tal denominação, adoptam o funcionamento e a ideologia marxista-leninista que serve de base à acção comunista.
O anti-comunismo surge como um movimento de defesa da nacionalidade ameaçada pela conjuntura internacional dissolvente e pela tentativa comunista de aboli-la. Preservar a tradição, os valores e símbolos nacionais, o folclore, a raça, a mitologia pátria e combater todas as tentativas de aviltá-las é a sua missão.

12 comentários:

Anónimo disse...

Há comunistas que consideram que ser anti-comunista é ser fascista. Isto é tão incompreensível como dizer que não ser católico é o mesmo que ser muculmano. ASS LORD SS 14/88

Anónimo disse...

Todas as Nações que tiveram a infelicidade de ser atacadas pela implacável Hidra marxista, estão hoje na miséria ou com baixos índices de desenvolvimento.
Esta é a democracia de que nos falam os camaradas comunistas e bloquistas.
Algum destes infortunados povos tem um nível de vida satisfatório ou promissor?!
Ficaram por acaso os seus operários a beneficiar em melhores vencimentos ou em trabalho mais compensador?!
Se o regime comunismo é tão bom, porque tentaram e tentam os seus cidadãos, desesperadamente, abandonar em massa as suas terras natais?!
Os marxistas em algum país triunfaram sem que fosse através da violência, do terror e a custa do sangue do seu próprio povo?!

Felizmente muitas destas Nações hoje já se encontram libertas do carrasco marxista, outras estão a caminho da liberdade. Parece que só em Portugal os marxistas estão com uma pujança anormal e não diminui o numero de votantes nos partidos do mal (PCP e BE).

ASS LORD SS 14/88

Anónimo disse...

Lista das Nações vitimas do Comunismo, por ordem cronológica da imposição através de revolução ou de forçada ocupação vinda do exterior.

Arménia – 1920
Azerbaijão – 1920
Bielorússia – 1920
Ucrânia – 1920
Geórgia – 1920
Caucásica do Norte – 1920
Republica Oriental Soviética – 1922
Turcomenistão – 1922
Uzbequistão - 1924
Mongólia – 1924
Estónia – 1940
Lituânia – 1940
Albânia – 1946
Bulgária – 1946
Jugoslávia – 1946
Polónia – 1947
Roménia – 1947
Checoslováquia – 1948
Coreia do Norte – 1948
Hungria – 1949
Alemanha Oriental – 1949
China – 1949
Tibete – 1951
Vietname do Norte – 1954
Cuba – 1960
Camboja – 1975
Vietname do Sul – 1975
Laos – 1975
Angola – 1976
Seychelles – 1976
Etiópia – 1977
Moçambique – 1977
Benin – 1978
Yeman do Sul – 1978
Granada – 1979
Nicarágua – 1979
Afeganistão – 1980
Portugal – Entre 25 de Abril de 1974 e 25 de Novembro de 1975

ASS LORD SS 14/88

Anónimo disse...

Comunismo mata na Índia.
Mata, forte e feio, o horror chamado comunista, na Índia. Segundo a agência indiana Ians, o número de incidentes violentos atribuídos aos maoístas foi de 1.509 em 2006 e de 1.285 até 31 de Outubro deste ano, enquanto o número de agentes de segurança mortos passou de 157 (2006) para 188 vítimas (até Outubro). Mesmo vivendo na maior democracia do mundo, os maoístas, ditos comunistas, continuam a proclamar uma ditadura sanguinária bem ao estilo da União Soviética; Este tipo de guerrilhas criminosas, que lançam o terror entre os inocentes, certamente que são mais que apoiadas pelo PCP Português como as FARC; Uma vergonha de facto; Pena, pena que os atentados e homícidios não seja cometidos na sede do PCP, ou na casa do José Saramago, que era para eles sentirem o horror que defendem no próprio pelo.
Pelas palavras do primeiro-ministro Indiano: «Não passa um dia sem que haja algum facto relacionado com o extremismo de esquerda. Parece que, além disso, se consolidaram vários grupos com melhor coordenação e capacidade de ataque» , percebe-se claramente os métodos "democráticos" que os comunistas gostam de implementar um pouco por todo o mundo.

Enquanto a extrema esquerda faz manifestações tranquilas e é atacada pela policia... ass anónimo

Anónimo disse...

PCP assinala Dia Internacional para a eliminação da discriminação racial.

Ao mesmo tempo que fazem declarações verdadeiramente vergonhosas sobre a independência do tibete.
É sem dúvida o pior partido a actuar em Portugal, tal coisa que deveria ser obrigatoriamente extinta à lei de um País democrático.


ASS Marco

Anónimo disse...

A censura democrática tal qual no comunismo e socialismo. Como um artigo aqui publicado e muito bem "A melhor arma contra as premissas totalitárias do socialismo-comunismo é a informação clara e precisa."

RTP pretende despedir José Rodrigues dos Santos.

A liberdade de expressão neste País, só existe desde que não atinja o sistema; Agora despedem o moço, alegadamente por questões laborais; Estranho que tantos anos ao serviço da RTP e com uma carreira exemplar e um prémio internacional de melhor jornalista do ano no mundo(Guerra di Iraque 1998), só agora é que não tem "cumprido os horários".

MLF

Anónimo disse...

TIC liberta seis suspeitos da Ribeira.

É deixá-los sair a todos; Se fossem nacionalistas, certamente ficavam lá dentro, agora os "terroristas" - pois parece que é disso que alguns estão acusados - podem vir descansados, sem medo nem ressentimento, passear para as ruas do Porto e passar a quadra natalícia em casa. É esta a nossa justiça; esperemos então para ver como vão ficar os outros casos, mas palpita-me que isto será mais uma espécie de casa pia, onde fica um lá dentro, para mais tarde sair. Os nossos dePUTAdos Socialistas e Comunistas é que deveriam terem levado umas chumbadas naqueles lombos para ver se acordavam para a realidade do nosso Portugal. Temos que este tipo de bandos, ocupem as nossas ruas no futuro...

ASS Sobrania - Nacionalismo

Anónimo disse...

Tal e qual o comunismo!!!!

Ministério da Justiça adquire viaturas de luxo.

O negócio, sem incluir o imposto automóvel (IA), de que as instituições públicas estão isentas, rondou um valor global de quase 176 mil euros (35 mil contos) e foi por ajuste directo, sem recurso a concurso público, e sem autorização do Ministério das Finanças.

Poderá estar em causa a violação da lei.

Não se preocupem que o povo paga!!!

PILOTO disse...

Eu gostava de os ver governar o país o PCP e o BE só para ver no que dava...eheheheheheheheh (estava a reinar)

Anónimo disse...

Vcs são pequenos fascistas de um pequeno país. A raça suja de vcs infelizmente ainda existe aqui no Brasil (Que apesar de ser ex-colônia é muito maior e relevante que Portugal e não precisamos de da burrocracia e massacre de índios perpetuados por seus descendentes aqui), na Áustria e em outros países.
Vcs deviam ter vergonha, usam a saudação e símbolos nazistas.
Eu não sou comunista, mas falar que foi a pior coisa do mundo é irreal. E o nazismo, as duas bombas atômicas atiradas pelo maior país do mundo - que, diga-se de passagem, é CAPITALISTA - e os milhões que morrem na África ou têm que ir pra esse paizinho de merda tentar sobreviver.
Os países comunistas - vcs são portugueses tão chulos que não sabem que na realidade nunca houve comunismo, e sim socialismo real - de hoje ou são atrasados ou pobres, pois ficaram sozinhos, o resto os EUA corromperam.
E o que me diz dos países africanos que são capitalistas? Tão bem de vida né???
Que piada, eu dou risada de humilhar vcs nas palavras e não no porrete. Vão estudar um pouco seus "portuga do caralho". E o pior é que meu sangue é português tb.

Traficante Hepático disse...

É por causa de gente que nem vocês que Portugal é o lixo da Europa. Caso os senhores não saibam a única coisa que fez o comunismo dar errado são as pessoas que não acreditavam na sua funcionabilidade.

vocês são muito burros mesmo.

celio disse...

Vcs fascistas e neo-liberais portugueses são vergonhosos. Tenho vergonha de ter o sangue de vcs e dos porcos espanhóis correndo em minhas veias. Ainda possuem a mesma mentalidade cristã da Idade Média, tinham tudo no séc. XVI para se tornarem uma potência mas foram burros o suficiente pra se tornarem a porcaria q são hj.

Ainda existem lusos com cérebro e com um pensamento menos eurocêntrico. Ainda bem q aos poucos a luz da civilização chega à essas terras.

Sou brasileiro, carioca (do Rio de Janeiro), historiador e marxista e não nego q o Rio é o q é hj quando se tornou capital de Portugal (durante a Invasão Napoleônica). Mas vcs exploraram nosso país, durante a colônia e o Império, o tornaram atrasado, só conseguimos abolição em 1888 e república em 1889.

Quem construiu escolas aqui, foram jesuítas espanhóis q o ladrão do nosso ouro, Marquês de Pombal expulsou a fio da espada. Só o primeiro governante brasileiro, D. Pedro II é q se preocupou em fazer escolas públicas. Os hospitais tbm eram das Igrejas, e as estradas só foram trilhazinhas melhoradas das antigas trilhas índigenas, indígenas esses q vcs exterminaram. Portugal não fazia nada só roubou nosso povo, assim como os espanhóis são os maiores culpados pelo subdesenvolvimento da América Latina.

O Nacionalismo sempre terminará em fascismo, disputas territoriais e de mercado e por fim, guerras, como a 1º e a 2º. Por isso o Internacionalismo, é a solução.

Espero eu, q o povo e os camaradas portugueses não sofram com mais governo fascista como sofreram com o tirano Salazar. Saudações aos q acreditam num mundo justo, igual e fraterno e meus pêsames aos q têm olhos e não querem ver.