sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Esquerda Perigosa.


A história do Anarquismo em Portugal vai da década de 70 do século XIX até à actualidade. Considera-se 1886 como o ano do início da actividade anarquista em Portugal. No entanto, já antes se faziam sentir as influências das ideias de Proudhon em muitos intelectuais, como nos escritores Antero de Quental e Eça de Queirós. Há pelo menos mais um nome a destacar no início do anarquismo em Portugal: Eduardo Maia, médico que em 1873, ainda jovem, apresentou uma conferência baseada nos congressos da Associação Internacional dos Trabalhadores, questionando o direito de propriedade. Eduardo Maia é considerado fundador da corrente anarquista-comunista pós-proudhoniana. Em 1879 liga-se ao anarco-comunismo de Kropotkine(Eduardo Maia), e fez escândalo ao declarar-se publicamente como anarquista. Fez parte do Grupo Comunista-Anarquista de Lisboa em 1887 e do Grupo Revolução Social em 1894. Colaborou no semanário [socialista] “pensamento social” nos anos 1870, onde foram publicados artigos considerados anarquistas. Colaborou também no “revoltado” em 1897.

Se o anarquismo nasce substancialmente comunista, é verdade que as perseguições desencadeadas contra a Iª Internacional pelos governos daquele tempo produzem desvios com respeito à teoría bakuninista; desvios que deixarão uma marca na história do movimento anarquista, sobre tudo italiano.

17 comentários:

Anónimo disse...

Uma das práticas prosseguidas nesta campanha de violência e anarquia são os boicotes aos comícios e outras reuniões aos partidos de direita especialmente PNR, através dos quais se procura mostrar que em Portugal não são respeitadas as liberdades democráticas e os direitos dos cidadãos e abrir assim caminho a um golpe esquerdista.

Na execução destas operações surgem normalmente pequenos grupos pseudo-revolucionários, cuja acção serve objectivamente os fins das forças reaccionárias esquerdistas. ASS LORD SS 14/88

Anónimo disse...

O anarquismo define-se como comunismo antiautoritário no período da I Internacional, quando Bakunín e a maioría das secções desta organização põem as bases da teoría comunista anarquista, que se caracteriza pelo dualismo organizativo - papel das masas como sujeito revolucionario único, papel das minorías conscientes como "timoneiros invisíveis" dentro das organizações de massa. Na visão bakuninista a Associação Internacional dos Trabalhadores é a organização de massa, e a Aliança da Democracia Socialista, é organização das "minorías conscientes". Bakunín vê a anarquia como gestão utópica da sociedade comunista igualitária e libertária que deve ser lograda. ASS LORD SS 14/88

Anónimo disse...

RASH são Skinheads Anarquistas ou Vermelhos e comunistas.
Os skinheads anarquistas e comunistas geralmente consideram como "aspectos positivos" da cultura skinhead clássica, que devem ser resgatados e preservados:

* o sentimento de pertencimento à classe operária (working class)

* a identificação com o reggae, o ska e outros estilos de música negra

* a identificação com a rebeldia social do punk rock, através do Oi! (street punk)

* a ligação com o futebol, esporte popular e de massas

* o hábito de beber cerveja como forma de sociabilidade e integração.
E o perigo vem da direita!!!! É só para abrirem os olhos. ASS LORD SS 14/88

Anónimo disse...

Isto de pesquisar textos na net, tomando-os imediatamente como verdades absolutas e sem deixar as fontes deixa muitas reservas quanto à credibilidade dos mesmos.
Este texto do último comentário então, cheira a preconceito que estresanda... Creio que nao será difícil encontrar um texto igualmente tendencioso mas para o lado da esquerda. Atenção a isso

Anónimo disse...

UMMMM Ameaças.... Não me importa se é credivel ou não para si, o que me importa é o que sinto e desejo politicamente e democráticamente.

Anónimo disse...

Tipica pressão comuna, a informação clara e precisa é o vosso maior pesadelo. Pois aqui mostra-se aquilo que voçês tentam esconder.E não é mentira nenhuma que o anarquismo tem origem comunista.

Anónimo disse...

Os textos são passiveis de concordia e discordia certo. Aqui não se quer impor nada, mas sim disponibilizar informação que anda esquecida e desconhecida do povo portugês. Eu sei que voçês comunas não gostam que se digam verdades camufladas do vosso foro ideológico, daí surgir a censura comunista tal como no caso recente na china com os jornalistas estrangeiros. Liberdade de expressão e de escrever o que queremos, como sempre muitos gostam e outros não. Em carrazeda não existem só comunas, existem tambem Nacionalistas que detestam o capitalismo comunista e as suas más imfluências.

Anónimo disse...

Os RASH são isso mesmo pode ler á vontade. O comunismo e Capitalismo mete-me nojo ASS MARCO

Anónimo disse...

Cada um investiga o que quer ler. Claro que há muitos textos tendenciais a favor dos comunas mas como não gosto não os leio, e ninguem vai lá ameaçar podendo dizer o que voçê disse da mesma maneira. Esta é uma das grandes diferenças da direita; Não funcionamos com opressão nem pressão. Somos democráticos a aceitamos as vária ideologias sendo elas lógicamente democráticas.

Nacionalista's disse...

"Creio que nao será difícil encontrar um texto igualmente tendencioso mas para o lado da esquerda. Atenção a isso"

Não sei se já reparou, mas a balança politica deste blog tende CLARAMENTE para um dos dois lados, nunca a procura do equilibrio disperso nas duas posições! Como Nacionalistas que somos: divulgamos a nossa doutrina (politica) seja ela da nossa autoria ou não. Basta nos identificarmos com o texto que, com todo o gosto, o colocaremos aqui.


POR NÒS, POR PORTUGAL: PORTUGAL AOS PORTUGUESES!

Anónimo disse...

Para os comunas que postam aqui, "o anti-comunismo surge como um movimento de defesa da nacionalidade ameaçada pela conjuntura internacional dissolvente e pela tentativa comunista de aboli-la. Preservar a tradição, os valores e símbolos nacionais, o folclore, a raça, a mitologia pátria e combater todas as tentativas de aviltá-las é a sua missão."

ASS LORD SS 14/88

Anónimo disse...

É incrível como é possível fazer tanta suposição baseando-se apenas num pequeno texto!!! Temos génios aqui.

Com que então sou comunista?? Disse quem? Para alguns de vocês, toda a gente que discorde nem que seja num ponto, ou que diga algo que nao seja tão do vosso agrado é logo comunista?! Já tenho reparado que se usa essa arma muitas vezes aqui contra as contrariedades, chama-se comuna e pronto, nem é preciso ler com atenção o que o outro escreveu. Estou a ver que nas cabeças de alguns só existem extremos.

Apenas alertei para o facto de, na minha opinião, ser necessário colocar as fontes dos textos, simplesmente porque é a regra quando se colocam texto que alguém que não nós próprios escreveu.
É comum e correcto fazer-se isso.

E ameaças? Onde é que viram ameaças?! Vocês é que parece que se sentem ameaçados para responderem com tanta agressividade, quando tal não é justificado! Apenas referi que é importante disponibilizar informação não-tendenciosa e livre de preconceitos para que cada um tire as suas ilacções sobre cada texto.


Se acham que por eu defender isto tenho ideias de esquerda, curem-se da vossa radicalidade e saibam pensar, se possível de forma não agressiva, assim como eu o fiz.

Cumprimentos e continuem com o blog

Nacionalista's disse...

Respondendo á parte que "me" toca (ou melhor: á do blog):

"Apenas alertei para o facto de, na minha opinião, ser necessário colocar as fontes dos textos, simplesmente porque é a regra quando se colocam texto que alguém que não nós próprios escreveu.
É comum e correcto fazer-se isso."

Essa é uma regra básica, uma regra universal que deve ser seguida. Sou apenas um dos membros deste blog e costumo usá-la nos "meus" textos. Já alertei, também, para a restante equipa a utilizar, talvez neste texto isso tenha sido esquecido...

Cumprimentos

PILOTO disse...

O anarquismo podia ter sido simplesmente banido, se ñ fosse o desinteresse total pelo reino que teve D. Carlos que por sua vez o levou ao seu regicidio e a queda da monarquia, ora se tivermos uma casa que o proprietario ñ liga nenhum ela degrada-se foi o que aconteceu, para mim o anarquismo resume-se ao total desleixo.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Anarquismo

PILOTO disse...

Ja me estava a esquecer, hoje os jovens utilizam o simbolo anarqua como a figura do Che Guevara sem saber o que realmente siguenifica
utilizam-no porque é giro e esta na moda...

Anónimo disse...

Me admira muito falarem em Liberdades quando a doutrina que proclamam é isatamente oposta á mesma liberdade! Anarquismo não nasceu com o comunismo roubou ideias já p or sí centenárias.O comunismo que conhecemos nada tem a ver com anarquismo, mas antes com totalitarismo tão bem representado por o nazismo e ideiasmo militares fachistas!
Se querem é ordem, então como se explica o apelo á desordem vindo dos dirigentes de extrema direita copiando os ordinários de extrema esquerda!?
O Anarquismo Cristão será um Utopia enquanto todos que querem a mudança continuarem a crer o mesmo mas com chantily por cima! Não sejamos ovelhas!!!

Anónimo disse...

Me admira muito falarem em Liberdades quando a doutrina que proclamam é isatamente oposta á mesma liberdade! Anarquismo não nasceu com o comunismo roubou ideias já p or sí centenárias.O comunismo que conhecemos nada tem a ver com anarquismo, mas antes com totalitarismo tão bem representado por o nazismo e ideiasmo militares fachistas!
Se querem é ordem, então como se explica o apelo á desordem vindo dos dirigentes de extrema direita copiando os ordinários de extrema esquerda!?
O Anarquismo Cristão será um Utopia enquanto todos que querem a mudança continuarem a crer o mesmo mas com chantily por cima! Não sejamos ovelhas!!!